Dicas

Veja os 5 erros comuns em e-mails marketing e como evitá-los

Uma das principais estratégias usadas por organizações para o relacionamento com clientes é o e-mail marketing. Porém essa é uma ferramenta que, se usada de maneira incorreta, pode cair direto na caixa de spam. Em 2012 foi registrado que cerca de 68,8% dos e-mails enviados foram classificados como indesejados.

Para evitar o perigo de ter sua mensagem rejeitada, apontamos alguns dos erros mais comuns para você checar antes de clicar em “Enviar”.

1. Enviar um e-mail sem permissão

Receber um e-mail de uma lista em que você não estava inscrito é quase uma invasão de privacidade. Algumas empresas compram lista de e-mails e enviam as mensagens sem nenhum critério e nem público-alvo. A dica? Não use atalhos. Construa sua lista de e-mails por meio de um formulário no seu site ou com empresas especializadas em e-mail marketing.

2. Ter um assunto irrelevante ou sem objetividade

Uma das maneiras de evitar que seu e-mail seja jogado direto na lixeira antes mesmo do acesso é ter como assunto uma frase atraente e de relevância. Curta, interessante e objetiva são algumas das características que o assunto deverá ter.
Um exemplo: “Duas dicas para o Facebook ajudar nos negócios”. O usuário só se preocupará em ler as duas dicas que ajudarão e se ficar interessado, acessar a fonte da informação.

3. Não checar os números

Você envia vários pacotes de e-mails por dia, mas tem ideia de quantos deles são abertos? Quantos foram classificados como SPAM ou foram diretos para a lixeira?

Sem essas informações é difícil saber se a estratégia de envio está correta. Uma das ações que podem ser realizadas é o monitoramento do relacionamento do usuário com o e-mail, fazendo a análise da mensagem enviada dizendo quem recebeu, quem leu, onde clicou e quando leu (data e hora).

Os dados coletados poderão ser usados para aumentar a eficácia do seu e-mail marketing e garantir envios cada vez mais específicos e de qualidade, aumentando a taxa de sucesso.

4. Não ter um objetivo

Muitas pessoas que começam a enviar e-mail marketing tem uma vaga noção do que estão fazendo não tem um objetivo bem determinado. Algumas perguntas podem ajudar a dar mais foco e objetividade. Quais são as metas? Educar? Dialogar? Informar os clientes sobre novos eventos ou notícias?

5. Não dar espaços para interação

Um bom e-mail é como um bom post de blog, Facebook ou Twitter: se as pessoas gostarem do conteúdo elas vão compartilhar com outras. Se você quiser aumentar suas chances de mais pessoas conhecerem sua organização, abra um espaço para interagir com seus atuais e futuros clientes e os conduza para suas redes sociais.

 

Fonte: 6 common Email Marketing Mistakes Small Businesses Make

Voltar à lista de Dicas